O QUADRO INDEPENDÊNCIA OU MORTE DE PEDRO AMÉRICO

| Por: Raquel Crusoé Loures de Macedo Meira

 Um dos fatos históricos mais relevantes do nosso país, é a Independência, pois marca o fim do domínio português e a conquista da autonomia política.

 Anteriormente, muitas tentativas ocorreram e muitas pessoas morreram na luta por este ideal. Podemos citar como exemplo mais conhecido, o de Tiradentes, que foi executado pela coroa portuguesa por defender a liberdade de nosso país, durante a famosa Inconfidência Mineira.

A nossa primeira aproximação com a Independência do Brasil acontece nos livros de escola, quando vemos a pintura de Pedro Américo, “O Grito do Ipiranga”, finalizada em 1888, já no final do Segundo Reinado.

Esta tela, Independência ou Morte, de Pedro Américo, também conhecida como Grito do Ipiranga, é um símbolo da proclamação da Independência do Brasil, que é comemorada em 7 de setembro.A imagem, no entanto, não é exatamente uma fotografia do momento em que D. Pedro I recebeu a carta que o deixou irado e o levou a pronunciar a famosa frase: “Independência ou Morte”.

Enquanto a Independência do Brasil foi proclamada em 1822, Pedro Américo só foi terminar de pintar o quadro em 1888, em Florença, na Itália, encomendado por D. Pedro II, um grande incentivador da cultura e da arte na história do Brasil. Nesta época, o Imperador investia na construção do Museu do Ipiranga, hoje oficialmente chamado Museu Paulista, que fica em São Paulo (SP).

Pedro Américo foi um pintor histórico. Ele não estava presente no momento em que ocorreu o fato. Assim, Independência ou Morte ou o Grito do Ipiranga, é um quadro simbólico, como várias outras pinturas históricas espalhadas pelo mundo.

About these ads

Sobre raquelcrusoe

Natural de Montes Claros-Minas Gerais - Brasil - Mestre em Ciências da Educação em Música (Havana - Cuba)- Pós-Graduação em Educação Artística (São Paulo) - Licenciatura em Artes - Bacharelado em Música – Piano( Rio de Janeiro)- Vice Diretora e Coordenadora Cultural do Conservatório Estadual de Música Lorenzo Fernandez - Diretora do Projeto Acêrvo Cultural de Montes Claros - Professora de Piano,Regência, Percepção Musical,História da Música e Folclore do Conservatório Estadual de Música Lorenzo Fernandez - Professora Titular da UNIMONTES - Fundadora do Curso de Educação Artística/FUNM - Vice – Diretora do Curso de Educação Artística/FUNM - Diretora em Exercício da Faculdade de Educação Artística/FUNM - Membro do Conselho Diretor da FUNM - Fundadora e Primeira Coordenadora de Cultura da UNIMONTES - Coordenadora de Cursos de Pós – Graduação em Arte – Educação/UNIMONTES - Diretora do Projeto MUSICAMPUS - UNIMONTES - Membro do Conselho Universitário da UNIMONTES – CONSU - Chefe do Departamento de Artes - UNIMONTES
Esse post foi publicado em Artigos/Textos e marcado , , , , , , , . Guardar link permanente.

2 respostas para O QUADRO INDEPENDÊNCIA OU MORTE DE PEDRO AMÉRICO

  1. eu achei muito interessante!!!!

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s